sábado, 29 de outubro de 2011

2500 Vitorianos em Assembleia

Como se esperava, a assembleia foi uma das mais concorridas dos últimos anos.

Os motivos eram de sobra, e os Vitorianos mais uma vez não faltaram à chamada. Como se previa o clima de hostilidade foi a nota dominante perante uma direcção incapaz de corresponder à grandeza do clube.

 Incapazes de justificar o injustificável,  Emilio Macedo da Silva e seus pares, onde o especial destaque vai para  Luciano Baltar, que mostrou que nem sequer sabe onde é a sede do clube, e ainda teve o desplante de dizer que faz
 contas de cabeça, e foi por isso que disse que o passivo tinha baixado um 1milhão€...imagine-se, e é este senhor Vice presidente para a área financeira.




Contas feitas, contas reprovadas, apesar dos repetidos apelos por parte dos "engravatados", onde incluio o Presidente da mesa da assembleia geral - João Cardoso -, que mostrou estar ao serviço da direcção e não dos associados do clube. Mas não foi só Raúl Rocha - vice presidente do conselho fiscal -, numa atitude de desespero saiu do palanque e foi apelar ao voto favorável nas contas. Resultado o mesmo dos seus pares, vaias, insultos, assobios, aliás a esse respeito diga-se que muitas vezes foram ultrapassados os limites do bom senso, embora culpe a inabilidade dos mesmos perante a vontade dos sócios.


Houve ainda tempo para ouvir Pinto Brasil (personagem polémica no Vitória), a mostrar-se disponível para assumir a liderança do clube e lançar mais umas achas para a fogueira. E o momento da noite onde o Vitoriano Luís Cirilo, no lugar próprio e na hora certa (embora já passasse das duas da manhã) comunicou aos sócios a sua decisão de ser candidato a presidente do Vitória Sport Clube. A partir daí os Vitorianos dispersaram dado a hora tardia.


 Foi assim dada mais uma prova do Vitorianismo dos adeptos do clube, onde a nota de maior destaque pela negativa vai para os "comandantes da nau Vitoriana" que se mostraram incapazes de gerir o Vitória SC, e tomar decisões que todos esperam que beneficiem o Vitória SC.



Viva o Vitória.

quarta-feira, 26 de outubro de 2011

Assembleia Vitoriana

Os Vitorianos reúnem em assembleia na próxima sexta feira. 



A inesperada subida do passivo e a classificação da equipa sénior de futebol , faz prever que esta será uma assembleia com larga adesão da massa associativa.

Os Vitorianos têm razão para estarem desgostosos com a panorama actual quer a nível desportivo quer a nível financeiro, no entanto considero que são estes momentos em que nos podemos e devemos distinguir dos demais.

As assembleias são o local por excelência onde nos devemos exprimir, e tomar as decisões certas para o futuro do Vitória, por isso entendo que não deveremos deixar de vincar a nossa indignação com os elementos que compõe a direcção do clube, desde que não se ultrapasse os limites do bom senso, para bem do Vitória.


terça-feira, 18 de outubro de 2011

A perseguição continua

Se não há nada para dizer e vender jornais, inventa-se e é isso que o pasquim ojogo faz hoje na sua edição onde a intenção é clara "... fazer mal às bancadas vitorianas,..." conforme é referido no artigo assinado por Tomaz Cardoso e Susana Cardoso relativamente às hipotéticas declarações de Soudani. O sitio oficial do Vitória SC já repudiou em comunicado e publicou um desmentido com a versão do jogador.


Conforme passou a ser prática desde há muito, recuso-me a dar um cêntimo que seja a esta espécie de jornal. E daqui faço um apelo a todos os Vitorianos para não se deixarem iludir pelas tentativas sucessivas de destabilizar o Guimarães (é isso que eles nos chamam).  

domingo, 2 de outubro de 2011

Assim anda o nosso Vitória...

Do Vitória, só se viram mesmo os equipamentos, sem ideias, sem vontade, sem garra, sem futebol.

Assim anda o nosso Vitória...

Vitória para ganhar



O jogo contra os lagartos tem inicio marcado para o fim da tarde deste domingo, às18:00h no D.Afonso Henriques.


Força Vitória.